Blog

Como funciona o seguro de condomínio horizontal

Como funciona o seguro de condomínio horizontal

Acompanhe este artigo e entenda melhor como funciona o seguro de condomínio horizontal e quais são suas vantagens.

Os condomínios horizontais de casas, escritórios ou pontos comerciais estão se tornando cada vez mais comuns e, junto com a sua existência, além da necessidade de existir um síndico é preciso que um seguro de condomínio horizontal seja contratado.

Neste artigo, mostraremos um pouco melhor o que é exatamente esse serviço, como ele funciona, quais são suas coberturas e mais, acompanhe.

O que é o seguro de condomínio horizontal?

O seguro de condomínio horizontal é um serviço de proteção a edificações voltado para esse tipo de construção, que geralmente se trata de uma área onde casas ou salas comerciais se encontram, construídos em um plano horizontal.

Tantos condomínios verticais (prédios), como horizontais, segundo o artigo 1346 do Código Civil, são obrigados a possuir um seguro mínimo contra incêndio ou destruição, seja ela parcial ou total.

Essa obrigatoriedade passa a valer após a concessão do HABITE-SE e possui um prazo máximo de 120 dias para ser contratada pelo síndico ou responsável pelo condomínio.

É importante dizer que o seguro de condomínio horizontal, ou vertical, deve proteger não apenas as áreas comuns como portaria, área de lazer etc., como também as unidades autônomas, ou seja, as casas dos condôminos.

Quais são as coberturas do seguro de condomínio horizontal?

A cobertura mínima indicada para um seguro de condomínio horizontal é aquela que protegerá contra problemas como incêndio, queda de raio, explosão, e destruição parcial ou total nas áreas comuns.

No entanto, o mais indicado é que, além de cobrir as áreas comuns, este seguro se estenda para as unidades autônomas e garanta proteção também para situações como danos elétricos, quebra de vidros, ações de vandalismo, impacto de veículos e queda de aeronaves.

É importante também que o seguro de condomínio conte com a cobertura de responsabilidade civil, tanto para o condomínio como para o síndico. Isso garantirá respaldo financeiro caso aconteça um sinistro em que o empreendimento ou o responsável seja acusado juridicamente.

Como funciona o seguro de condomínio horizontal?

Quem deve negociar e contratar esse serviço é o síndico do condomínio. Seu custo é considerado uma despesa ordinária, por isso, ele deve ser rateado entre os condôminos, através da taxa condominial, como um custo de manutenção do estabelecimento.

Geralmente, as apólices do seguro de condomínio horizontal possuem a duração de um ano, e devem ser renovadas continuamente, sem interrupções.

Caso isso não aconteça, o condomínio poderá ficar sujeito a acidentes e multas pela infração da não cobertura.

Os valores desse serviço variam de acordo com o tamanho da área construída, coberturas escolhidas e caracterização do tipo de condomínio, que pode ser:

  • Residencial horizontal, ocupado apenas por casas;
  • Residencial horizontal, apenas para as áreas comuns;
  • Residencial horizontal de veraneio;
  • Residencial vertical, ocupado apenas de apartamentos;
  • Residencial vertical, ocupado em sua maioria de apartamentos;
  • Misto vertical, ocupado por escritórios, apartamentos, e salas comerciais;
  • Escritório vertical, ocupado apenas por escritórios;
  • Escritório vertical, ocupado em sua maioria por escritórios;
  • Comercial vertical, ocupado por salas comerciais e escritórios.
Post anterior
Seguro Condomínio
Próximo post
O seguro de condomínio é obrigatório?
Menu
Cotação via WhatsApp! whatsapp